Cada vez mais, a prática de atividade física tem se tornado uma aliada à nossa saúde. Com ela, deixamos o estresse e o sedentarismo para trás e conquistamos qualidade de vida, bem-estar, além de, possivelmente, afastar futuras doenças. O único problema, porém, é que muitas vezes acabamos não escolhendo a modalidade de exercício mais adequada com a nossa personalidade e, por isso, perdemos a motivação.

De fato, a atividade escolhida deve ter a ver com o nosso estilo pessoal — pois, dessa forma, se torna mais fácil e prazeroso mantermos a regularidade da atividade e, assim, poderemos também obter os efeitos benéficos no nosso corpo.

O bom da história é que, atualmente, existem muitas opções. A atividade física pode ser de grande ou baixo impacto, de pequena ou longa duração, de alta ou baixa intensidade, individual ou coletiva, indoor ou outdoor, ou seja, para todos os gostos e habilidades. É essencial que você encontre a sua!

E a regularidade da atividade física, como mantê-la?

De acordo com as estatísticas, os primeiros seis meses são decisivos e 50% das pessoas geralmente desistem. No entanto, algumas estratégias podem ajudar a manter a regularidade. Uma delas é que a atividade seja feita próxima da sua casa ou do trabalho. Outra seria ter uma companhia que praticasse a mesma modalidade e, assim, pudessem juntas levar os objetivos adiante.

O mais importante, porém, é o que haja prazer e identificação na atividade física escolhida e que ela seja coerente com a personalidade e aptidões de cada praticante. Dessa forma, é possível melhorar o rendimento e a performance, bem como manter a motivação por muito mais tempo.

Vamos, então, conhecer os 4 tipos de personalidade e as atividades mais indicadas!

Ativo (energético e competitivo)

Aqueles que se enquadram no tipo ativo preferem atividades mais dinâmicas, que requerem muita energia e desafios maiores. Não levam adiante modalidades suaves, como a yoga tradicional ou mesmo a ginástica localizada — tidas como mais monótonas. O principal objetivo é a prática de uma atividade que não caia na rotina para que se mantenham firmes e fortes em seus objetivos.

Por isso, a dica é que elas pratiquem modalidades como: ginástica funcional, crossfit, esportes coletivos, power-ioga, downhilllutas, trekking, zumba, entre outras bem dinâmicas.

Pensativo (tímido e introvertido)

Nesse grupo incluem-se pessoas tranquilas que, geralmente, buscam conquistar novas competências com perfeição. Preferem modalidades físicas em que são ensinados movimentos mais detalhados. Procuram atividades mais introspectivas, que possam ser praticadas sozinhas e que requerem maior concentração.

As melhores sugestões para esse tipo de personalidade são: caminhada, corrida, yoga, tai chi chuan, alongamento, musculação, entre outras.

Interativo (comunicativo)

Pessoas desse tipo de personalidade buscam se relacionar e interagir com outras pessoas. Elas se identificam com atividades coletivas que propiciem mais contato com os outros praticantes, mas que sejam modalidades em que haja possibilidade de maior interação, bem como que ocorram em um ambiente mais acolhedor.

As atividades físicas mais indicadas para essa personalidade são: musculação, hidroginástica, dança, caminhada, yoga, entre outras.

Determinado (mais focado e que gosta de ver resultados)

Nesse grupo as pessoas são muito concentradas e focadas e gostam de obter resultados rapidamente. Se dão bem com atividades que exigem disciplina, concentração e metas. Por isso, optam por atividades físicas com exercícios programados e com regras de execução para que atinja resultados, em um tempo determinado.

As modalidades mais indicadas para essas pessoas são: musculação, pilates, crossfit e lutas.

Se, após todas essas dicas, ainda lhe restarem dúvidas, experimente fazer alguns tipos de aulas para saber como se sente ao praticá-las. Como pode ver, existem muitas possibilidades, cabe a você identificar aquela que mais tenha a ver com seu gosto e estilo pessoal.

Gostou do artigo? Viu a importância de praticar a atividade física de acordo com a sua personalidade? Continue com sua visita em nosso blog e leia agora mesmo outro texto igualmente interessante: 6 exercícios de Pilates para fazer em casa.