Dor na coluna é um problema muito comum na sociedade atual. As longas horas de trabalho e a má posição ao se sentar estão entre os principais responsáveis pelo mal. Mas não só isso. Ficar muito tempo em pé, sem descanso, e ter uma vida sedentária também são fatores que contribuem para a má postura, que se não tratada pode ocasionar graves lesões. Esse tipo de incômodo não é privilégio dos mais velhos. A má qualidade de vida leva jovens e adolescentes a estarem cada vez mais vulneráveis a esse tipo de transtornos.

Para resolver problemas como esse, muitos procuram meios para se livrarem da moléstia. O pilates e a reeducação postural global (RPG) estão entre os métodos mais procurados. Mas qual escolher? Quais são os benefícios de cada um? Quais são as principais diferenças entre os dois? O blog do NAMU Cursos te explica, confira:

O que é RPG

A reeducação postural global (RPG) é um tratamento realizado por fisioterapeutas que trabalha com as necessidades individuais de cada paciente.  Ela consiste em ajustar a postura e melhorar a dor por meio de técnicas e posições fixas. A RPG é capaz de corrigir lesões e deformações do corpo, com sessões que mexem com a maioria dos músculos. Essa técnica não consiste em tratar apenas da dor, mas da pessoa em um todo. Não há restrição para idade.

O que é pilates

Já o pilates é um método mais voltado para a atividade física. Assim como a RPG, ele também ajuda no ajuste postural e no alívio de dores. Entre outros dos seus benefícios estão o fortalecimento dos músculos, a melhora na respiração, flexibilidade e concentração, além do combate ao estresse e ansiedade.

O pilates pode ser praticado por pessoas de qualquer idade, desde que não tenham problemas sérios. Se esse for o caso, o indicado é solicitar o aval do seu médico, pois ele saberá se pode realizar a prática e com qual intensidade.

Faça em casa

Uma das outras vantagens do pilates é que ele pode ser feito em casa. Sim, no aconchego da sua residência. Você só precisa de uma roupa confortável e escolher um lugar adequado para iniciar a atividade. Além de ser uma opção de baixo custo, caso não tenha dinheiro para pagar um estúdio, é bom para otimizar o tempo, uma vez que você escolhe a que horas e em que lugar realizar.

Mas fora o curso, será que é preciso gastar com equipamentos? Não necessariamente. Você pode utilizar simples utensílios domésticos e desenvolver os movimentos que o professor pedir. Por exemplo, colchonete, almofada, cadeira, garrafa pet com água e até faixa de roupão podem servir como objetos para a prática de pilates.

Tanto na RPG quanto no pilates, os benefícios não chegam em poucos dias. É preciso ter um cronograma e sempre segui- lo. Quer começar já? Conheça o curso Pilates em casa, equilíbrio e consciência do corpo. As aulas são ministradas pela especialista Gerusa Gurak e auxiliam a manter o posicionamento do corpo, potencial físico e respiração, além de proporcionarem um grande bem-estar.

Foto: Robert Bejil / Flickr / CC BY 2.0