É normal sentir-se mais fraco e cansado após um longo dia de trabalho. Tudo dói: a cabeça, a coluna, os pés e, claro, as pernas. Passar horas na mesma posição não é fácil. Seja sentado ou em pé, é preciso realizar um movimento ou algum outro tipo de exercício para conseguir driblar as terríveis dores. O problema é quando o incômodo passa dos limites do esgotamento. O enfraquecimento muscular é comum entre as pessoas e, se não tratado, pode desencadear inúmeros transtornos à saúde.

Dor frequentes nas pernas, dificuldades para andar ou levantar da cama e dormência estão entre os sintomas mais comuns de quem está com as pernas fracas. Se os sintomas forem esses, o mais indicado é procurar a orientação imediata do seu médico. Lembre-se que não é aconselhável realizar um exercício, caso tenha algo mais sério, sem o aval do especialista, já que movimentos pesados e em excesso também podem contribuir para o agravamento da situação.

Agora, se deseja relaxar depois de um dia estressante, ou almeja tornear a região, nada como uma sequência de posturas. O pilates é um ótimo exemplo de atividade que, além da facilidade em fazê-la em casa, ajuda e muito quando o assunto é fortalecimento muscular. A prática trabalha tanto os músculos externos quanto os internos, chamados de intrínsecos, tudo para manter a qualidade de vida e evitar as temidas lesões.

As vantagens do pilates vão muito além. Quando praticado constantemente, é capaz de aumentar a flexibilidade do corpo e a concentração, amenizar o estresse e a ansiedade e estimular a respiração. O melhor é que ele pode ser feito por qualquer pessoa, seja jovem ou idoso. E nem é necessário pagar caro em uma academia, pois as posturas podem ser elaboradas no aconchego do seu lar.

Ficou animado? Então mande essas dores embora e faça uma sequência de exercícios de pilates para fortalecer as pernas e manter a postura.

Exercício 1

Esse movimento será feito com a band, mas você pode utilizar uma toalha, caso não possua o outro acessório.

1

Levante a perna direita dobrada, coloque a band no pé e segure as pontas com cada mão.  Apoie bem os cotovelos no chão, isso é muito importante. Mantenha os braços no ângulo de 90°, sem deixá-los muito para a frente ou para trás.

Encha o pulmão de ar. Solte o ar e empurre o pé para a frente, como se estivesse cavando areia. O elástico é o responsável por essa intensidade.

2

Encha o pulmão de ar, solte. Não se esqueça de manter os braços na posição. Repita várias vezes. Em seguida, aumente a velocidade do exercício.

Exercício 2

3

Feita essa etapa, suba a perna esticada em 90°. Caso não consiga, leve a perna até o local que o seu corpo aguentar. Desça a perna esticada. Inspira, sobe. Expira, desce. Aumente a velocidade do exercício.

4

Exercício 3

5

Pare com a perna esticada para cima e alongue a perna esquerda. Aproxime as duas pernas para estabilizar a pélvis.

Faça pequenos círculos com a perna. Repita várias vezes, faça para o lado contrário.

6

Repita toda essa sequência com a perna esquerda.

Fortaleça o seu corpo com novas posturas. Com os cursos online de pilates, você pode manter o seu corpo em dia e ainda economizar.

Foto: bwanderd / Flickr / CC BY 2.0