Parece uma unanimidade. Hoje em dia, é muito comum ouvir queixas de cansaço excessivo na rotina das pessoas. Muita gente se pergunta: como isso acontece até quando dormimos bem? Justamente porque o sono não é o único fator que determina a disposição.

O cansaço é, na verdade, a manifestação de uma falta de energia das células, a qual pode ser causada por deficiência de nutrientes ou por ausência de um controle adequado na produção do ATP (adenosina trifosfato), a molécula responsável por essa energia.

O sono é, portanto, apenas um dos fatores que nos ajuda a combater o cansaço. Para acabar de vez com ele, devemos adequar nossos hábitos. É possível fazer os dias renderem mais e sentir muito mais disposição em todas as atividades ao adotar comportamentos mais saudáveis.

Veja seis dos principais comportamentos que levam ao cansaço excessivo.

Cansaço excessivo

  1. Falta de sono adequado: não dormir as horas necessárias, ou ter má qualidade do sono, prejudica a recuperação do organismo.
  2. Excesso de atividade física: associado à falta de repouso e alimentação inadequada, ele pode levar ao colapso energético do organismo.
  3. Alimentação inadequada: uma alimentação balanceada, composta por macro e micronutrientes em quantidades apropriadas, em porções divididas de três em três horas e hidratação de no mínimo 1,5 litro de água ao dia, fornece os nutrientes necessários para evitar o cansaço.
  4. Excesso de estimulantes: café, chá mate e energético podem levar a um aumento crônico na produção de adrenalina do corpo.
  5. Doenças crônicas: às vezes, antes de manifestar sintomas mais evidentes, essas doenças podem se iniciar com cansaço persistente. Nesse caso, uma avaliação médica é sempre importante.
  6. Estresse excessivo: a adrenalina liberada em situações de estresse crônico leva ao desequilíbrio hormonal e de neurotransmissores, o que prejudica uma série de vias metabólicas responsáveis pela produção do ATP”.

cansaço excessivo

Como ter mais qualidade de vida e prevenir o cansaço excessivo

A qualidade de vida vai muito além de ter um cardápio equilibrado, é um conjunto de hábitos saudáveis. E como foi visto, o cansaço excessivo, muitas vezes, se dá pela falta desses hábitos no dia a dia.

Pensando nisso, o Namu listou algumas práticas que podem te ajudar a prevenir o cansaço excessivo e contribuir para o bem-estar. Confira!

Boa noite de sono

Se a falta de sono adequado pode causar cansaço excessivo, uma boa noite é excelente para ter um dia mais produtivo e cheio de energia. Por isso, o ideal é dormir, em média, 8 horas por dia.

Aparelhos eletrônicos? Nem pensar. Você deve desligar a televisão e evitar o uso do aparelho celular antes de dormir. A utilização deve ser restrita até 2 horas antes de se deitar.

Está com fome? Opte por comidas leves. Alimentos cheios de sódio e gorduras podem pesar no estômago e prejudicar o sono, o que pode causar o cansaço excessivo. Fique alerta!

Atividades físicas na medida certa

Não adianta ficar 24 horas por dia dentro da academia, acredite. Como já mencionado, o excesso de exercícios físicos aumenta o risco de cansaço excessivo, e não é isso que você quer, certo?

A consciência corporal é muito importante para manter a saúde do corpo. É ela quem dá os limites necessários para prevenir lesões e colapsos no organismo. Além disso, é essencial para o autoconhecimento.

cansaço excessivo

Alimentação equilibrada

Se o excesso de estimulantes aumenta as chances de desenvolver cansaço excessivo, ter uma alimentação equilibrada proporciona grandes benefícios.

Tudo em excesso faz mal, por isso aprenda a montar um cardápio colorido, natural e funcional. Mandioquinha, banana, abacate, mel, grão de bico, lentilha, feijão e outras leguminosas entram na lista de alimentos que proporcionam energia.

Faça um purê de mandioquinha, um guacamole, um shake de banana, uma salada de grão de bico, não importa. Você só deve ter em seu prato os nutrientes necessários (proteínas, carboidratos, vitaminas, minerais, etc) para manter o organismo em dia.

Yoga

É fato que o estresse não é nada bom para a saúde e pode causar cansaço excessivo. É por isso que práticas como o yoga são tão benéficas para a qualidade de vida.

Entre os benefícios da realização constante de yoga estão: alívio de estresse e ansiedade, melhora da qualidade do sono e equilíbrio entre o corpo e a mente. Quer mais?

Faça em casa

Depois dessas dicas, que tal mudar de hábitos, melhorar sua rotina de sono e aumentar sua disposição? Comece agora. O NAMU oferece uma série de cursos completos de yoga, pilates e alimentação saudável para uma vida mais equilibrada.