A infelicidade não está só em um casamento malsucedido ou em uma vida cheia de problemas. Uma pessoa infeliz é aquela que pode ter tudo de melhor, mas que não se sente satisfeita com o que tem. Se sente insegura, vazia e não consegue ao menos ter um relacionamento pessoal completo. É aquela que vê tudo pelo lado negativo e que não tira nem que seja uma hora do dia para fazer o que mais gosta, como um simples hobby.

Psicólogos alertam para a importância de ter um hobby, também conhecido como passatempo, uma ocupação além do trabalho diário. É certo que nem sempre é possível se dedicar, já que as horas do dia passam voando. Pessoas que moram em grandes cidades, como São Paulo, tendem a ter menos tempo, isso por conta do trânsito caótico e da distância entre a residência e outros locais. Mas é preciso lembrar que realizar uma atividade prazerosa pode influenciar e muito a ter mais qualidade de vida.

Benefícios de ter um hobby

Realizar algo que te traga prazer pode influenciar em como será sua vida daqui para a frente. Você pode decidir em ter dias mais leves ou voltar sua atenção total aos problemas cotidianos. O hobby, como qualquer atividade, tem inúmeros benefícios, sejam eles físicos ou mentais. Por exemplo, se o seu passatempo preferido for pedalar trinta minutos por dia, ou então dar aquela caminhada básica, notará ao longo do tempo o quão bem isso fará a sua saúde.

É importante frisar que ao optar por um exercício físico, é preciso levar em conta que nada é por obrigação, mas sim por amor ao que se faz. Se não gostar de correr, não corra. Se não gostar de musculação, não faça, simples assim.

Para quem vive no estresse pode encontrar no hobby um alento. Ao realizá-lo constantemente, sentirá gradualmente o bem-estar e relaxamento, ou seja, menos tensão. Outra vantagem de se ter um passatempo está na melhora da autoestima.

Já viu como uma pessoa se sente mais segura e bem consigo mesma quando está feliz? Investir em algo prazeroso e que te deixa contente compensa, além de ter ajudar no autoconhecimento. Não permitir que medos e confusões dominem seu pensamento já é um bom começo. Por isso, não passe a vida focado no trabalho e nos problemas, seja livre. Não tem ideia do que fazer? O blog do NAMU Cursos separou uma lista com algumas dicas. Confira:

Ler um livro

A leitura é um mundo novo. Você pode sonhar e viver aquele momento, se desligar de tudo e entrar em outro universo, apaixonados por livros sabem bem disso. Mas se você não tem o costume de ler constantemente, pode tentar. Comece por obras menores e mais “fáceis” de interpretar. Vai que esse se torna seu novo hobby?

Quer saber do melhor? A prática da leitura ajuda a relaxar, ter mais concentração e uma boa memória.

Ir ao cinema

Quem não gosta de assistir um filme? Ir ao cinema pode ser uma ótima escolha. Caso não tenha dinheiro para ir toda a semana, nada te impede de assistir um longa em casa, no aconchego do seu sofá e acompanhado de uma pipoca deliciosa.

Viajar sozinho ou com os amigos

Viajar é uma das melhores coisas que alguém pode fazer. Conhecer novas culturas e outras pessoas faz tão bem quanto uma terapia. Por isso não se acanhe ao pegar a estrada, arrume a mala e vá se divertir. Nada como novos ares para esfriar a cabeça e tirar toda a pressão cotidiana.

Caso não goste de viajar sozinho, uma dica é juntar a galera e ir. Sempre é bom ter uma companhia amiga para desfrutar os bons momentos.

Praticar yoga e pilates

Aposto que já ouviu falar das maravilhas que uma boa atividade pode proporcionar para a saúde de alguém, e com a yoga e o pilates não é diferente. Os métodos são ótimos para quem precisa relaxar o corpo e a mente. Entre as vantagens de praticá-los estão a melhora na flexibilidade e postura, aumento da concentração e sensação de bem-estar, diminuição dos níveis de estresse e ansiedade e fortalecimento muscular.

Se não tiver tempo e nem muito dinheiro de ir a uma academia, você pode optar pelos cursos online. Eles são feitos no local e horário de sua preferência e ainda contam com as mesmas vantagens de uma aula presencial.

Cozinhar uma deliciosa receita

Preparar algo especial pode ser mais divertido do que imagina. Muitos, inclusive, encontram na culinária uma forma de relaxar e tirar tudo de ruim que aconteceu durante o dia. Reservar um tempo para cozinhar pode ser um hobby e tanto, e nem é preciso ser um chef para saber o quão graciosa essa atividade pode se tornar.

Assim que chegar em casa, tome um banho e pense no que está com vontade de comer. Caso não tenha nada em mente, não hesite em aprender novas receitas, até mesmo aquelas que nunca teve a coragem de experimentar. Se for casado e tiver filhos, verá como é gratificante receber um elogio pelo preparado.

Quer aprender uma receita nova? Confira, a seguir, o passo a passo do bolo integral de laranja, ótimo para o café da tarde.

Ingredientes

2 unidades de laranja

3 unidades de ovo

1 xícara de açúcar demerara orgânico

¾ xícara de óleo de girassol

2 xícaras de farinha de trigo integral

2 colheres de sopa de chia

1 colher de sopa de fermento em pó

2 colheres de sopa de castanha-do-pará

½ xícara de água

Modo de preparo

Prepare as laranjas descascando apenas uma e mantendo a casca da outra para aromatizar. Corte em pedaços e retire os caroços. Em uma bacia, separe os ingredientes secos como farinha, fermento e chia. Misture bem e reserve.

Bata no liquidificador as laranjas, os ovos, o óleo e o açúcar. Misture bem o líquido que foi batido com os secos que estavam reservados. Em seguida, coloque a água para dar o ponto correto da massa, não é aconselhável ficar com a massa muito espessa.

Aqueça o forno a 180 °C por 10 minutos. Unte uma forma redonda de 26 cm com furo. Despeje a massa e por último espalhe a castanha com mais um pouco de chia a gosto.

Leve ao forno para assar por 30 minutos aproximadamente ou até dourar. Desenforme e sirva.

Viu como é importante ter um hobby? Se gostou dessa receita, você pode aprender muitas outras em nossos cursos online de gastronomia. Já se seu forte for pilates e yoga, temos diversas aulas que poderão contribuir para a sua qualidade de vida. Não perca mais tempo.

Foto: Kamil Porembiński / Flickr: Reading /  CC BY-SA 2.0