Você já deve ter visto por aí que cada vez mais a dieta e o estilo de vida vegetariano têm ganhado força em todo o mundo, e também no Brasil. Se antes ela se reservava a um espaço de militância, hoje aumenta consideravelmente o número de adeptos comuns, que não necessariamente se ligam a algum movimento.

Mas por que isso? Por que tomar essa decisão? É difícil manter uma dieta com receitas vegetarianas? Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto.

Por que ser vegetariano?

Ser vegetariano muitas vezes está ligado a querer ter uma vida mais humanizada. Isso porque é sabido que a indústria da carne muitas vezes é cruel com os animais, desde a criação até o momento do abate. Diversos documentários, inclusive, vêm mostrando essa realidade. Com isso, muitas pessoas preferem abandonar a alimentação com carne como forma de evitar o sofrimento desses animais .

Outras pessoas também escolhem esse tipo de alimentação não (ou não só) por querer um estilo de vida mais harmônico com a natureza, mas também por ser uma opção mais saudável, já que a carne animal foi incluída pela OMS (Organização Mundial de Saúde) como alimento cancerígeno. Sem contar que a carne animal é um alimento de digestão mais difícil e constantemente gera processos inflamatórios no organismo.

Mas é difícil manter uma dieta vegetariana?

Um dilema de quem quer manter uma dieta vegetariana é saber se é prático ou não seguir essa dieta.

O primeiro argumento é que é difícil achar opções desse tipo para quem almoça fora. Uma alternativa é levar quentinhas feitas em casa, entretanto, com a popularização da alimentação vegetariana, já é mais fácil encontrar restaurantes que oferecem pratos sem carne cada vez mais interessantes.

Outro ponto que também acaba deixando as pessoas um tanto receosas é a substituição da proteína animal. Há um mito de a carne seria o alimento mais rico nesse nutriente, e que abandoná-la ocasionaria um déficit de proteínas. Essa é uma grande mentira, pois há alimentos de origem vegetal muito mais ricos em proteína do que a carne animal. Além disso, há uma série de substitutos para produtos de origem animal que facilitam a vida do vegetariano.

Quer ver como não é difícil manter uma dieta vegetariana? Veja 3 receitas simples e incríveis para você fazer no seu dia a dia:

Kibe vegetariano

  • 1 xícara de trigo para quibe
  • 1 xícara de proteína de soja texturizada
  • 1 xícara de cenoura ralada
  • 1 cebola grande picada
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • 1/3 xícara de farinha de trigo
  • 2 ovos
  • 1 xícara de hortelã fresca
  • Azeite

Deixe o trigo e a proteína de soja hidratando por 30 minutos. Esprema-os para tirar a água. Em uma vasilha, misture todos os ingredientes e amasse-os com a mão até que formem uma liga coesa. Você pode colocar em um tabuleiro e assá-lo ou então formar as bolinhas e fritá-lo.

Hambúrguer de lentilha

  • 1 xícara lentilha crua
  • 1 dente de alho picado
  • 1/2 cebola picada
  • 1/2 xícara de cheiro verde
  • 1 colher sopa azeite
  • 1 colher chá de sal
  • 1 colher de chá de cominho
  • 1/2 xícara de chá de farinha de trigo

Cozinhe a lentilha até que chegue no ponto em que seja possível amassá-la com um garfo. Escorra a água e coloque numa tigela, misturando também todos os temperos. Coloque a farinha de trigo aos poucos, até sentir que deu liga para modelar os hambúrgueres. Modele os “bifinhos” com cerca de 1,5 centímetro de espessura. Leve-os ao freezer por uma hora. Depois disso, é só prepará-los na frigideira.

Palmito gratinado com cream cheese

  • 1 vidro de palmito
  • 150g de cream cheese
  • 1/4 xícara de chá de leite desnatado
  • 1 colher de sopa de extrato de tomate
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • 2 colheres de sopa de queijo parmesão

Corte os palmitos em rodelas e coloque em um refratário. Bata no liquidificador os demais ingredientes, exceto o queijo parmesão. Coloque a mistura no refratário por cima do palmito. Polvilhe com queijo ralado e leve ao forno preaquecido por pelo menos 20 minutos.

O que achou dessas receitas vegetarianas? Aprenda mais sobre a culinária vegetariana na plataforma NAMU Cursos e siga esse estilo de vida.