As sementes fazem parte do dia a dia de quem tem horta em casa. Esses pequenos “grãos” são os responsáveis por dar vida aos alimentos naturais que colocamos em nossa mesa. Há quem compre mudas já grandes para cultivar, também há quem prefira acompanhar o processo de germinação de cada plantinha. Se você é dos que gosta de aprender o passo a passo desde o início, precisa conhecer a famosa sementeira.

A sementeira é um local reservado para o plantio das sementes. É onde elas germinam para serem transferidas para os vasos ou hortas (no caso de hortas no solo). As sementes podem ser adquiridas em lojas de jardinagem, em feiras de trocas ou na própria horta. O ideal é que sejam orgânicas, ou seja, que não tenham sido tratadas quimicamente.

Guarde as suas sementes em locais secos, preferencialmente em potes de vidro, que não sejam muito quentes e nem escuros. Sementes velhas, úmidas e com bichinhos não germinam, por isso todo cuidado é pouco.

Passo a passo para construir uma sementeira

O primeiro a se fazer é escolher o local para a plantação. Existem sementeiras comerciais, mas se você não quer gastar, pode optar por usar uma caixa de ovo mesmo (daquelas de papelão de 30 ovos). Outra opção é utilizar caixa de ovo plástica. Independente da escolhida (papelão ou plástico), ambas devem conter um furo embaixo.

Substrato para plantio da sementeira

Caixa escolhida, chegou a hora de fazer o substrato. Para que suas plantas cresçam saudáveis, você deve investir em nutrição. Só com bastante nutrientes conseguirá fazer com que suas sementes germinem.

Para o substrato, você pode utilizar composto (húmus de minhoca), que inclusive pode ser feito em casa por meio de um processo chamado compostagem.

Coloque um pouco de terra e de composto em uma vasilha e misture bem (é importante que fique bem misturado). Acrescente vermiculita, ela ajuda o substrato a ter mais leveza. Verifique como fica a mistura e acrescente o que achar necessário.

sementeira

 Preenchimento da sementeira

Pegue a sementeira e preencha cada buraco com o substrato. Recheie até em cima. Em seguida, borrife água na sementeira para dar uma umedecida. O legal é que você pode plantar quantas plantas quiser, fique à vontade. Porém, o ideal é cultivar uma espécie por fileira. Use plaquinhas no início de cada fileira para identificar as sementes.

Uma dica é verificar a melhor época para o plantio de cada planta e a profundidade que deve ser cultivada.

Plantio das sementes

Pegue a ponta de um lápis e faça buracos no centro da terra, você também pode utilizar palitos de madeira. Coloque duas ou três sementes em cada buraco. Cubra o buraco de leve com a terra. Coloque a placa em cada fileira, caso opte por ter várias espécies na sementeira. Não se esqueça de anotar a data do plantio.  

Regue as sementes outra vez, mas agora com o regador. Você deve regar de um jeito que a água não empurre a semente para baixo, por isso prefira regadores com furos pequenos.

Como cuidar da sementeira

A sementeira não pode pegar sol direto, pois o calor em excesso atrapalha a germinação, pode matar os brotos. O ideal é coloca-la em um local com sombra, mas que seja claro, pois também precisa da luz solar para germinar. Regue todos os dias de manhã e à noite. Fique atento, pode demorar alguns dias para germinar.

Você só deve transplantar as mudas quando tiverem de dois a três pares de folhas definitivas.

Gostou do conteúdo? Aprenda o passo a passo para fazer uma horta em casa com a professora Ale Nahra.