Retirar os carboidratos da alimentação é uma das formas mais comuns que as pessoas encontram para perder peso. Assim como a low carb, a dieta cetogênica é uma das mais aderidas quando o assunto é queima de calorias. Mas como ela funciona? Quais alimentos são permitidos ou proibidos?

A dieta cetogênica é aquela que consiste em diminuir drasticamente a ingestão de carboidratos. Por isso, alimentos como pão, macarrão, arroz, batata, açúcar, pizza, lasanha e hambúrguer estão proibidos por quem adere a esse estilo de vida.

No lugar dos carboidratos, entram níveis altos de gordura. A proteína também faz parte do cardápio. O emagrecimento se dá porque o corpo acaba utilizando a própria gordura como fonte de energia, o que acaba por ser diferente de quem se alimenta de menus com carboidratos.

Como funciona a dieta cetogênica

Como já foi visto, a dieta cetogênica acaba por diminuir os carboidratos da alimentação. Sendo assim, alimentos com essa substância não entram na lista de compras. Carnes, embutidos, ovos, óleos, azeite e queijos estão entre os produtos que podem ser consumidos por quem adere a esse tipo de cardápio. Inclusive, também não há muita diferença na ingestão de frutas e verduras.

Por serem fonte de energia para o corpo, os carboidratos têm papel importante na alimentação. É por isso que nutricionistas não recomendam realizar a dieta cetogênica por um tempo muito longo.

A curto e a médio prazo até pode funcionar, mas após determinado período, essa dieta pode comprometer a saúde. Por isso, é essencial ter o aval de um médico ou nutricionista antes de iniciar esse tipo de alimentação, além de sempre seguir o passo a passo recomendado.

dieta cetogênica

A importância da alimentação equilibrada

Não é novidade que uma alimentação equilibrada é essencial para ter uma vida plena e cheia de saúde. Dietas como a cetogênica, quando feitas da maneira correta, ajudam sim a emagrecer em pouco tempo. O problema é que se a pessoa não reeducar a alimentação, ganhará o dobro do peso meses depois.

Pense, nenhum ser humano consegue extinguir todos os carboidratos da alimentação e continuar saudável. O ideal é equilibrar vitaminas, minerais, proteínas, carboidratos, ou seja, tudo o que os alimentos podem oferecer ao organismo. Por isso, realizar dietas só em último caso.

Assim como em qualquer hábito, aderir a dieta cetogênica pode contribuir para alguns sintomas, principalmente no início, como dores de cabeça, falta de concentração, perda de músculos, mau humor, aumento de colesterol, cansaço, fadiga, estresse, ansiedade e, em casos mais graves, aumenta o risco de doenças crônicas, como o câncer.

Quer ter uma alimentação equilibrada sem aderir a dietas? Aprenda a reeducar a sua alimentação com os cursos online de gastronomia do Namu. Neles você confere o passo a passo de cardápios saudáveis e deliciosos.