Você sabe como ter uma boa alimentação para a conquista de uma vida mais ativa, produtiva e cheia de disposição? Na verdade, ela funciona como um combustível para o corpo e, quanto melhor for sua qualidade, mais satisfatórios serão os resultados para a sua saúde.

A boa alimentação, aliada a outros hábitos de vida saudáveis, como a prática de atividade física, surte efeitos surpreendentes na saúde como um todo. Juntas, essas ações trarão mais disposição para suas tarefas diárias.

No entanto, nós sabemos o quanto é difícil mudar hábitos alimentares que foram mantidos por anos. Logo, a mudança vai depender da força de vontade de cada pessoa e, principalmente, de boas dicas, que é o que vamos apresentar aqui.

Continue a leitura e saiba como garantir uma vida mais saudável a partir da alimentação!

Reeducação alimentar e dieta

A reeducação alimentar visa a escolha de alimentos variados e saudáveis — com alta qualidade nutricional. Ela contribui para a manutenção da organismo, evitando o cansaço e taxas altas de colesterol, triglicerídios, glicose, bem como o aumento de peso.

Muitas das dietas, quando não supervisionadas por um nutricionista, visam exclusivamente a diminuição de peso, sem, muitas vezes, se importarem com a qualidade da comida. Aquelas que viram modismos são as mais perigosas, visto que a maioria se baseia na ingestão de apenas uma categoria de alimentos.

O pior de tudo é que, quando você se submete a uma dieta muito restritiva, a tendência é voltar a engordar logo após chegar ao peso pretendido. Ou seja, se não houver uma reeducação alimentar durante o processo, o efeito sanfona aparece trazendo consequências negativas para a saúde.

Hábitos saudáveis que fazem a diferença

Simples hábitos, quando inseridos aos poucos na rotina, podem fazer toda a diferença. Veja alguns dos mais importantes:

Não abra mão do café da manhã

Após várias horas sem se alimentar, o organismo necessita de reposição energética. Por isso, o café da manhã é de extrema importância. A primeira refeição do dia faz com que o metabolismo volte a funcionar normalmente.

Nesse momento, prefira alimentos nutritivos, como iogurte, queijo branco, pão integral, bolachas de água e sal, uma fruta, etc. Diversifique o cardápio a cada manhã, com variedades de proteínas, carboidratos, vitaminas e fibras.

Alimente-se de três em três horas

O jejum prolongado torna o metabolismo mais lento, prejudicando a queima de calorias e contribuindo para o estoque de energia. A dica para quem quer diminuir a ingestão de calorias é fracionar a quantidade de alimentos, mas nunca deixar de fazer as principais refeições. Permanecendo longos períodos em jejum, você corre o risco de ingerir mais alimentos na próxima vez em que for comer.

Beba bastante água

Beber bastante água durante o dia só traz benefícios à saúde. Além de não ter nenhuma caloria, ela limpa o organismo e elimina toxinas por meio da urina. O indicado é beber de 1,5 a 2 litros do líquido diariamente.

Vale ressaltar, no entanto, que não adianta substituir a água por sucos industrializados ou refrigerantes — estas bebidas devem ser evitadas. Prefira sempre a água, seja pura ou misturada com limão espremido.

Saiba escolher os alimentos mais nutritivos

Evite frituras, gorduras e doces. Eles contribuem para o ganho de peso, além de aumentarem a pressão arterial e a resistência à insulina. Prefira os alimentos saudáveis, como: frutas, legumes, verduras, pão e biscoito integral, suco natural, grelhados e preparos com pouca gordura e sal.

Busque receitas nutritivas e saborosas

É essencial que a reeducação alimentar venha acompanhada do prazer em comer. Para isso, é importante testar receitas saborosas e nutritivas. Sempre que possível, busque novos pratos com ingredientes saudáveis e que, ao mesmo tempo, tragam sabor à sua alimentação.

Enfim, a reeducação para uma alimentação adequada visa incluir novos hábitos em sua rotina. Isso implica conhecer cada alimento e seus nutrientes, bem como o que eles podem trazer de positivo para o seu organismo. Saber escolhê-los é fundamental para a conquista de uma vida ativa e saudável.

E aí, gostou das dicas de hoje? Continue com a gente e fique por dentro dos nossos cursos online de alimentação!