O cacau é a matéria prima para uma das maiores paixões nacionais: o chocolate. E você sabia que essa fruta é importante para o desenvolvimento do Brasil, em especial para a região sul da Bahia? O alimento ajudou no progresso de algumas cidades, como Ilhéus e Itabuna. Além disso, tem propriedades nutricionais que podem trazer diversos benefícios à saúde. Quer saber quais são? Confira!

1. Facilita a perda de peso

Além do chocolate amargo contribuir para o aumento do metabolismo – fator que ajuda nos regimes de emagrecimento –, pesquisas comprovam que os polifenóis, moléculas presentes no cacau, melhoram a sensibilidade à insulina. Isso contribui grandemente para o controle das variações de açúcar no sangue, impedindo o surgimento da sensação de fome que surge logo após o consumo de açúcar.

Apesar de auxiliar na diminuição da fome, o chocolate é um alimento muito calórico e seu consumo deve se limitar a 30 gramas por dia.

2. Promove sensação de bem-estar

Não é por acaso que o chocolate tem a fama de ser um alimento viciante. O consumo do tipo amargo, que é o que traz mais benefícios à saúde, consegue ativar a liberação de neurotransmissores que enviam sensações prazerosas ao cérebro, o que acaba gerando bem-estar ao consumidor.

3. Pode atuar como antidepressivo

Os grãos de cacau contêm dopamina, feniletilamina (PEA) e serotonina — todas substâncias utilizadas para promover a saúde mental. Além disso, o alimento apresenta na sua composição inibidores da monoamina oxidase e do aminoácido triptofano. Essas substâncias agem mantendo a dopamina e a serotonina na circulação sanguínea por mais tempo, fator que contribui para manter a sensação de bem-estar, bem como o alívio da depressão.

4. Reduz a pressão arterial

Os flavonoides, compostos químicos encontrados no chocolate amargo, combatem o LDL — o famoso colesterol ruim. Esse tipo de gordura se aglomera na corrente sanguínea formando placas, que grudam nas artérias e acabam provocando o aumento da pressão arterial. Portanto, os flavonoides reduzem a absorção do colesterol ruim, eliminando-o do organismo.

5. Favorece o crescimento do cabelo

Umas das diversas propriedades nutricionais do cacau é a de contribuir para o aumento da circulação sanguínea no couro cabeludo, tornando os fios mais saudáveis e fortes. Dessa forma, os cabelos crescem mais rapidamente e se tornam menos suscetíveis a alguns problemas, como a quebra e queda. Outro fator que contribui para a beleza dos cabelos é a propriedade anti-inflamatória do cacau, que diminui as probabilidades de infecções no couro cabeludo.

6. Melhora a pele

O cacau, além de possuir minerais e ácidos graxos como o ômega 6, contém a vitamina C, poderoso antioxidante que age beneficiando o organismo. Uma das suas principais ações no organismo é a de proteger as células sadias do corpo contra a ação oxidante que provoca o envelhecimento precoce da pele, retardando o aparecimento de rugas e outros desgastes à pele.

Cardápios com cacau

Apesar de incomum, é possível usufruir das propriedades nutricionais do cacau incluindo-o em pratos salgados da culinária e não apenas em sobremesas. Um bom exemplo é o salmão grelhado. Esse prato pode ser preparado normalmente e finalizado com um delicioso molho de pimenta rosa com chocolate amargo, por exemplo.

Os mexicanos já fazem uso do cacau na culinária do dia a dia. Um dos pratos mais conhecidos é o mole poblano, preparado à base de caldo de carne, chocolate e pimenta. Outro bom exemplo são os franceses, que utilizam o chocolate em molhos de carnes e aves.

No Brasil, o cacau já é adicionado em algumas receitas, como é o caso do frango xadrez, conhecido por seu sabor agridoce. A dica é preparar o prato normalmente e adicionar uma cobertura de chocolate como toque final.

Gostou do post sobre o cacau? Fica fácil adicionar esse alimento à nossa dieta diária e em receitas de sobremesas incríveis, ainda mais sabendo de tantos benefícios, não é?